quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

A Primeira Mulher Presidente do Brasil

No dia 1º o Brasil conheceu sua primeira Presidente, ela é Dilma Roussef, do PT.

Venceu eleições de baixíssimo nível, com candidatos que ao meu ver não estão à altura do cargo pretendido.

Os programas de governo foram um 'atrativo' à parte, pois eram pobres, foram recusados, trocados...enfim, demonstrou-se o já sabido - que os Partidos fazem tudo às pressas e não têm profissionais preparados. Sim, é nas mãos dessas pessoas que o País fica.

Com o 'apoio' do ex-Presidente Lula, que iniciou a campanha de Dilma mais de um ano antes do permitido pela legislação eleitoral, inclusive no exercício da presidência, o que lhe rendeu diversas multas (que nada mais eram que piada, com valores de R$ 5 mil, enquanto eram injetados milhões na campanha).

Lula deixou o governo com 87% de aprovação, um recorde, principalmente para quem ficou 8 anos no poder. Deixou nas mãos de Dilma um País com a economia aquecida, porém com muitas contas, decorrentes dos gastos exacerbados do ano eleitoral que se passou.

Dilma não foi minha candidata, muito pelo contrário, é a menos preparada em meu entender, contudo, doa a quem doer, estará no comando do Brasil por 4 anos.

Por esse motivo querendo ou não, até mesmo porque ela disse: é a "Presidente de todos os brasileiros" logo, deverá ter a ajuda da oposição, pois no Brasil parece que isso não se sabe fazer.

Oposição não é desejar que o governo desse partido dê errado para dizer que pode fazer melhor, não! É muito mais que isso, pois esse é um pensamento muito mesquinho dos dirigentes partidários e 'caciques' que não fazem oposição de idéias mas procuram atrapalhar; boicotar votações; e usar de ferramentas como CPIs para fazer queda-de-braço com a situação.

Temos uma mulher à frente de nossa Nação e devemos fazer o possível para ajudá-la, pois quanto melhor se sair, quem mais sairá ganhando é nossa população.

Então, mãos à obra Presidenta!

Nenhum comentário:

Postar um comentário